Como Plantar Morango

Técnicas de Como Plantar Morango

O morangueiro é uma planta conhecida por ter em sua volta um alastramento de raízes e folhas que se transformam em novas mudas. Com seu lindo e adocicado fruto vermelho é capaz de chamar a atenção de quem passa perto de uma plantação, existem diversas cultivares, sendo para o comércio in natura e para fábricas de sorvetes, tortas, shampoos, cremes, etc.

foto de morango
Folha, flor e fruto de morango

Originário de regiões Francesas, teve sua multiplicação produtiva em meados do século XVIIII, por ser uma planta bonita e de fruto saboroso sua aceitação aumentou conforme agricultores vendiam para pessoas de diferentes nacionalidades. No Brasil, sem um registro exato de quando o cultivo do morangueiro foi iniciado, o lançamento da cultivar IAC Campinas, em meados de 1960, teve grande propagação entre os agricultores. 

Nos anos 80 tínhamos como grandes produtores os estados de São Paulo sendo as primeiras plantações nas cidades de Suzano e Itaquera, depois foram levados para as cidades de Piedade, Atibaia, Campinas, Jundiaí e Vinhedo; Rio Grande do Sul, na região sudeste do estado; Minas Gerais, na região de Pouso Alegre; Goiás, nos municípios de Goiânia e Anápolis. Atualmente, muitas regiões do Brasil com diferentes climas e solos sabem como plantar morango.

O morango é um fruto que adora clima subtropical e temperado, é rico em vitamina C, possui efeito antioxidante e auxilia para a formação do colágeno, que fortifica os ossos, dentes, pele e as artérias. Deve ser cultivado em pleno sol, sendo que seus frutos e flores não suportam geada, granizo e chuvas fortes. Pode ser plantado em canteiros, vasos, jardineiras e outros recipientes, mas é preciso cuidar para não faltar nutrientes essenciais na terra principalmente fósforo e potássio.

Cultivares Recomendadas –  Abaixo citamos algumas cultivares para o plantio e comércio in natura :

  •  alleluia,
  • camarosa,
  • camino real,
  • festival,
  • IAC Campinas, e
  • IAC princesa isabel

Para uso na indústria –  Use as seguintes cultivares :

  • dover,
  • IAC guarani  e
  • santa clara.

Preparo de Mudas

As mudas precisam ser sadias, livre de viroses, vigorosas e apresentar um sistema radicular bem desenvolvido. Antes do plantio deve ser retirado todas as folhas velhas, permanecendo apenas 2 a 3 folhas novas; o excesso de raízes é eliminado a uns 4 cm do ponto de inserção. Após a limpeza as mudas devem ficar abrigadas do sol, e devem ser plantadas no mesmo dia do arrancamento. As mudas podem ser compradas de viveiristas credenciados e idôneos ou podem ser produzidas na própria propriedade de quem deseja plantar.

Uma cultivar é plantada através de mudas retiradas dos estolhos do morangueiro. O estolho ou estolão é um caule rastejante que se desenvolve naturalmente aumentando suas raízes e brotos, dando origem a novas plantas. Quando for plantar, procure comprar mudas de viveiristas ou produtores idôneos no início da plantação, e nos próximos anos faça mudas dos estolhos destas plantas. Corte os estolhos para a retirada das mudas quando apresentarem um bom desenvolvimento; separe sempre pela metade do comprimento entre as mudas em cada estolho. Muitos produtores gostam de esperar as mudas enraizarem antes de separá-las da planta-mãe, mas outros preferem cortar assim que os brotos nos estolhos têm de 2 a 5 folhas. Faça suas mudas conforme achar melhor.

mudas de morango em canteiro
mudas de morango em canteiro

 

 

 

Plantio – Convencional

Meses ideais para plantio – abril e maio, é preciso levar em consideração a altitude da região, clima, tipo de cultivar e sistema de plantio . Para plantar morango é preciso fazer a análise de solo, o pH ideal para o cultivo deve ser entre 6 e 6,5 e preferencialmente a correção e preparo de solo devem ser feitos 3 meses antes do plantio. A melhor faixa climática para floração e frutificação está entre 13 oC a 26 oC.

A área para o cultivo do morangueiro deve ser bem drenada, bem ventilada, com máxima exposição à luz solar e com boa disponibilidade de água para a irrigação. As culturas anteriores no local, nem mesmo as culturas vizinhas ao morangal não podem ser tomate, fumo e batata. A escolha de cultivares resistentes ao ataque de doenças – raças locais com a Micosphaerella fragariae e causadores de podridões de plantas e frutos devem ser levadas em consideração para o possível descarte no plantio.

Na falta de análise de solo e, para solos de média fertilidade pode-se usar por m² de canteiro a seguinte adubação : 3 kg de cama de aviário curtida e 200 g de adubo da fórmula comercial 5-20-10 que devem ser bem incorporados nos canteiros uma semana antes do plantio.

As mudas devem ser plantadas em canteiros com altura de 25 cm , em pequenas covas numa distância de 30 a 40 cm entre plantas de modo que o broto central seja mantido sempre fora da terra. As raízes devem ficar bem distribuídas e comprimidas pela terra, em seguida, deve ser feita uma boa irrigação.

Adubação de Cobertura

As adubações nitrogenadas devem ser feitas aos 30, 60 e 90 dias após o plantio, sempre com solo úmido por chuva ou irrigação, aplicando-se 20 g de sulfato de amônia por m² em cada aplicação, ou equivalente de uréia. 

Irrigação

O morangueiro exige alta disponibilidade de água para mostrar seu potencial produtivo. É recomendável que sejam feitas irrigações diárias até 30 dias após o plantio, depois, pelo menos 2 vezes por semana. No entanto, a umidade excessiva pode ocasionar o aparecimento de doenças na lavoura, por isso a dosagem de água deve ser controlada. As irrigações mais comuns são por aspersão ou gotejamento.

Cobertura Morta

O cultivo de morango exige cobertura morta para evitar o contato dos frutos com o solo. O uso de acículas de pinheiro ou um plástico preto conhecido como mulching que envolve todo o canteiro são os mais recomendados. O mulching preto pode ser colocado no canteiro 30 dias após o plantio das mudas ou conforme achar melhor. No entanto, a principio o uso do mulching preto necessita um pouco mais de gasto para o seu implante.

Tendo como vantagem trabalhar com a fertirrigação, que são adubos dissolvidos diretamente na água e distribuídos pelo sistema de irrigação por gotejamento. O uso da Fertirrigação pelo produtor de morangos proporciona economia de fertilizantes e de mão-de-obra, maior eficiência na aplicação dos fertilizantes e, obviamente, aumento na produtividade com frutos de qualidade.

A fertirrigação possibilita total controle da quantidade de fertilizantes que precisam ser aplicados. Já as acículas de pinheiro americano, além da economia, mantêm os canteiros úmidos e sem plantas invasoras. Podem ser usados como cobertura morta outros materiais vegetais, mas, precisam estar bem secos e sem sementes.

Clique Aqui e Veja a Importância da Irrigação

plantação de morangos
Plantação de morango com mulching preto
Colheita

A colheita varia entre 60 e 80 dias após o plantio, de acordo com a cultivar e plantio recomendado para a região. São colhidos os frutos que estão prontos para consumo ou comercialização, preferencialmente vermelhos com mais da metade de seu tamanho. Os cuidados de como plantar morango devem ser observados para uma colheita satisfatória, que deve ser diária. Não deixar os frutos passarem do ponto para colher, evita a perda de frutos que podem ser comercializados. Um plantio e colheita de morangos pode prolongar-se de 4 a 6 meses.

Cultivo Orgânico

No cultivo orgânico as técnicas recomendadas exige um controle fitossanitário rigoroso, porque produzem-se plantas com maior incidência de ataques de insetos e doenças, por outro lado, os frutos são mais saborosos; Neste caso, não há a utilização de nenhum adubo ou defensivo químico, portanto a utilização de práticas conservacionistas e o uso de fertilizantes naturais é comum em lavouras ecológicas. Por isso, na atualidade muitos agricultores migraram para o cultivo orgânico, não somente por ser natural, mas também pela grande economia que outrora era empregada em defensivos e adubos comercializáveis. Plantar morango orgânico foi um desafio principalmente para grandes produtores que não acreditavam ser capazes de produzir sem o auxílio de defensivos químicos. Mas com o melhoramento genético de certas cultivares, o emprego de inimigos naturais de pragas , defensivos naturais e iscas armadilhas, observou-se o aumento na produtividade. Que além de haver economia e saúde para quem produz, coloca no mercado um produto 100% natural, ou seja, livre de resíduos agroquímicos.

Clique Aqui e Saiba Como Fazer Compostagem

Clique Aqui e Veja Dicas Sobre as Hortaliças

Clique Aqui e Aprenda a Cultivar em Vasos

 

 

 

Obrigado por entrar em contato conosco! Seu comentário é muito importante para nós. Deixe seu comentário!